+55 (54) 3028-7656
29
Fev

Três ferramentas para garantir o futuro de sua empresa

Ter seu próprio negócio é o sonho de muitos, e os que conseguem têm pela frente um grande desafio: fazer com que ele continue lucrativo e crescendo. Na maioria das vezes, nas pequenas e médias empresas, os gestores possuem um grande conhecimento no negócio que atuam, mas surgem dúvidas e indagações sobre quais ferramentas utilizar para gerir melhor o negócio e fazê-lo prosperar.

Compartilhando um pouco da experiência que tive, cito abaixo três ferramentas úteis a qualquer tamanho de empresa. Juntas e se bem utilizadas, elas não só garantem como aumentam o resultado do negócio.



1 – Planejamento estratégico

O segredo do sucesso está na simplicidade e objetividade. Pensar grande sim, mas planejar um passo de cada vez. Ser ousado sempre, mas nunca perder a medida do possível.

Para quem nunca planejou sugiro observar algumas perguntas. A resposta delas poderá ser seu primeiro planejamento:

Qual nosso negócio? O que realmente o cliente compra (necessidade)? O que oferecemos para atender essa necessidade?
Para que existimos? Quais nossos valores?
Onde a empresa pretende chegar daqui alguns anos? Ser a maior? A melhor? A mais lembrada?
E para o próximo ano? Qual o principal objetivo?
Quem são nossos clientes? O que eles gostam? O que fazem? Qual faixa etária?
Quem são os concorrentes? O que fazemos melhor e o que fazemos pior que eles? Qual o diferencial para que o cliente opte por nossa empresa e não pelo concorrente?
O que temos de bom? Quais nossos principais problemas? O que faremos para manter nossos pontos fortes e solucionar nossas dificuldades?
Que estratégia de preço utilizar?
Como vender? Onde vender? Quem são nossos parceiros?
Como divulgaremos?
O que faremos para alcançar nossos objetivos?
Claro, cada negócio tem suas particularidades e cada pergunta acima possui complexidade diferente para cada um. As respostas são a base da elaboração do que é chamado de plano de negócios, que norteia a empresa em seus projetos e decisões.



2 – BSC

Na verdade, de uma forma simplificada, nada mais é do que a definição do que é preciso medir e acompanhar na empresa para que ela atinja seu objetivo. Exemplos do que medir:

Financeiro: Lucratividade, crescimento de faturamento, disponibilidade de caixa.
Cliente: Índice de satisfação de cliente, Índice de recompra.
Aprendizado e Crescimento: Investimento em capacitação, satisfação de colaboradores
Processos internos: Índice de retrabalho, índice de produtividade, volume de atendimentos em assistência técnica.
As medidas acima são apenas alguns exemplos. Defina metas a serem atingidas para cada indicador e acompanhe sua evolução, definindo ações sempre que algum deles apresente divergências em relação ao esperado.



3 – Orçamento

O orçamento é o responsável por definir a viabilidade financeira do negócio e como as receitas e despesas serão utilizadas no alcance desses objetivos.

É importante nas previsões:

Calcular a receita e despesa prevista para cada mês do ano, bem como a lucratividade esperada em cada período. Não esquecer de considerar a capacidade de produção/vendas e os custos do produto/serviço.
Diferenciar lucratividade de disponibilidade de caixa. Uma coisa é quanto se obteve de lucro em um determinado período, outra é o saldo de caixa no final desse período.


Para finalizar, além da utilização destas ferramentas, é de extrema importância o acompanhamento periódico de todas elas. O acompanhamento é que garante que sejam executadas e que as divergências e imprevistos sejam devidamente tratados para que os objetivos da empresa possam ser atingidos.





Monia Turella atua como consultora nas áreas de planejamento estratégico, orçamento empresarial, gestão por indicadores e gestão de processos. É professora em disciplinas de pós-graduação, instrutora em cursos de orçamento e planejamento estratégico, consultora e sócia da Turella Soluções Empresariais e mentora de startups em programas de aceleração.


Fonte: http://www.finger.com.br/detail.php?id=38804

Parceiros

trinopolo-rodape.png
Trino Polo - APL de Tecnologia da Informação da Serra Gaúcha
Rua Ângelo Chiarello, 2811 - Sala 1203 - Bairro Pio X -
CEP 95.032-460 - Caxias do Sul - RS
bf2.png